Um guia para iniciantes nos 7 Chakras

Atualizado: 10 de fev. de 2021




Os sete chakras são os principais centros de energia do corpo. Você provavelmente já ouviu pessoas falarem sobre "desbloquear" seus chakras, o que se refere à ideia de que quando todos os nossos chakras estão abertos, a energia pode fluir por eles livremente e existe harmonia entre o corpo físico, a mente e o espírito. Chakra se traduz em "roda" em sânscrito, e você pode imaginá-los como rodas de energia positiva fluindo livremente.


Neste guia para iniciantes, apresentaremos como identificar quando algum dos sete chakras principais está desequilibrado. Também resumiremos as características, elementos e cores definidoras de cada chakra, da raiz à coroa.


1. Chakra da raiz (Muladhara)


O Muladhara, ou chacra raiz, representa nossa base. No corpo humano, fica na base da coluna e nos dá a sensação de estarmos ancorados. Quando o chacra raiz está aberto, sentimo-nos confiantes em nossa capacidade de resistir a desafios e ficar com nossos próprios pés. Quando está bloqueado, nos sentimos ameaçados, como se estivéssemos em um terreno instável.


Localização: base da coluna, na área do cóccix

O que controla: questões de sobrevivência, como independência financeira, dinheiro e comida

Mantra: "Não consigo crescer a partir de uma base instável."

Cor vermelha

Elemento: Terra

Pedra: hematita

Pose de ioga: Guerreiro I

Quando se desenvolve: 1-7 anos


2. Chacra sacral (Swadhisthana)


O Swadhisthana, ou chakra sacro, ajuda a informar como nos relacionamos com nossas emoções e as emoções dos outros. Também governa a criatividade e a energia sexual. Aqueles com um chakra sacral bloqueado podem sentir falta de controle em suas vidas.


Localização: abdômen inferior, cerca de 5 centímetros abaixo do umbigo

O que ele controla: sua sensação de abundância, bem-estar, prazer e sexualidade

Mantra: "Eu sempre honro os outros, mas não antes de mim mesmo."

Cor laranja

Elemento: Água

Pedra: Olho de Tigre

Pose de ioga: postura de ângulo limitado

Quando se desenvolve: 8-14 anos


3. Chakra do Plexo Solar (Manipura)


O terceiro chacra, o chacra do plexo solar, fala sobre sua capacidade de ter confiança e controlar sua vida. Lembre-se da última vez em que você teve borboletas ou sentiu um aperto no estômago: esse é o chakra Manipura em ação. Se o chakra do plexo solar estiver bloqueado, você poderá sentir uma quantidade enorme de vergonha e dúvidas sobre si mesmo. Aqueles com chakras sacrais abertos são livres para expressar seu verdadeiro eu.


Localização: abdômen superior na área do estômago

O que controla: autovalor, autoconfiança e autoestima

Mantra: "O amor próprio começa quando eu aceito todas as partes de mim mesmo."

Cor amarela

Elemento: Fogo

Pedra: âmbar

Pose de ioga: pose de barco

Quando se desenvolve: 15-21 anos


4. Chacra cardíaco (Anahata)


O Anahata, ou chacra cardíaco, é a ponte entre os chakras inferiores (associados à materialidade) e os chakras superiores (associados à espiritualidade). Como o nome sugere, esse chakra pode influenciar nossa capacidade de dar e receber amor - dos outros e de nós mesmos. Alguém com um chacra cardíaco bloqueado terá dificuldade em se abrir totalmente para as pessoas em sua vida. Se o coração de alguém está aberto, eles podem sentir profunda compaixão e empatia.


Localização: centro do tórax, logo acima do coração

O que ele controla: amor, alegria e paz interior

Mantra: "Quando eu amo a mim mesmo, amar os outros vem facilmente."

Cor verde

Elemento: Ar

Pedra: Quartzo Rosa

Pose de ioga: postura do camelo

Quando se desenvolve: 21-28 anos


5. Chacra da garganta (Vishuddha)


O Vishuddha, ou chacra da garganta, dá voz ao chacra do coração e controla nossa capacidade de comunicar nosso poder pessoal. Quando está funcionando em plena capacidade, permite que nos expressemos verdadeira e claramente. Alguém com um chacra da garganta bloqueado terá dificuldade em encontrar palavras para dizer como realmente se sente.


Localização: Garganta

O que ele controla: comunicação, autoexpressão e verdade

Mantra: "Eu falo minha verdade, sempre."

Cor: Azul Claro / Turquesa

Elemento: Som / Música

Pedra: Aquamarine

Pose de ioga: postura de peixe

Quando se desenvolve: 29-35 anos


6. Chacra do terceiro olho (Ajna)


À medida que subimos no corpo, estamos nos aproximando da comunhão com o divino. O Anja, ou chakra do terceiro olho, controla nossa capacidade de ver o quadro geral e nos conectar com a intuição. Pense nele como o olho da alma: ele registra informações além do nível superficial. Visões e golpes intuitivos não são incomuns para alguém com o chakra do terceiro olho aberto.


Localização: testa entre os olhos (também chamado de chacra da sobrancelha)

O que ele controla: intuição, imaginação e sabedoria

Mantra: "Estou aberto para explorar o que não pode ser visto."

Cor: Azul Escuro / Roxo

Elemento: Luz

Pedra: Ametista

Pose de ioga: pose de criança

Quando se desenvolve: 36-42 anos


7. Chakra da coroa (Sahasrara)


O Sahasrara, ou chacra coronário, o chacra mais elevado, fica no topo da cabeça e representa nossa capacidade de estarmos totalmente conectados espiritualmente. Quando você abre totalmente o seu chacra coronário - algo que poucas pessoas fazem! - você é capaz de acessar uma consciência superior.


Localização: o topo da cabeça

O que ele controla: beleza interna e externa, conexão espiritual

Lição: "Eu sou um vaso de amor e luz."

Cor: Violeta / Branco

Elemento: Consciência Divina

Pedra: quartzo transparente

Pose de ioga: cabeça de pé

Quando se desenvolve: 43-49 anos




Copyright © : MEU SUBCONSCIENTE APP

242 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo